.backtotop { position: fixed; bottom: 20px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ } .backtotop:hover { background-color: #333333; /* color of background on hover over */ color: #ffffff; /* color of text on hover over */ text-decoration: none; /* no underline */ bottom: 10px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ padding: 10px; /* add space around the text */ } .jump-link { text-align:right; } .jump-link a { text-align:right; font-size:15px; padding:10px; border: 1px solid #000; background-color:#ccc; color:#000; font-weight:bold; } -->

13/02/2018

| Pensamento aleatório n.º 3 |


Sempre que vou a uma cabeleireira nova reconheço um comportamento padrão. É que não há uma que, após perguntar como é que uso o risco e de me pentear em consonância, não afirme, com um ar muito sábio,  Claro, ele - o cabelo - dá de si.


12 comentários:

Os olhares da Gracinha! disse...

Por vezes dá e a gente nem quer!
Só vou para cortar o cabelo mas a mim dizem que é um cabelo fácil de secar!!!bj

Joana Sá disse...

Normal ahahahahah, se o usas sempre assim! Ahahahahahah

Kiss kiss.*Jo
Jo & Company Style

Larissa Santos disse...

Kkkk elas sabem, ou não! :))

Hoje:- "Clausuro-me... por fidelidade."
.
Bjos
Votos de um feliz dia de Carnaval.

Catarina Sofia disse...

Faz imenso tempo que não vou a um, corto o cabelo em casa :)

A Paixão da Isa disse...

eu ja tenho a minha ha anos ela ja sabe o que quero eheheh bjs

Mena Almeida disse...

Vou sempre à mesma e ela já sabe ;)
Beijinho

Tulipa Negra disse...

À anos que sou fiel à minha cabeleireira mas, em tempos idos, quando o meu cabelo passava por outras mãos isso acontecia sempre! Nem sei porque é que perdem tempo a perguntar se é algo tão óbvio.

Rute Matos disse...

A minha cabeleireira quase não pergunta, mete logo mãos e tesoura à obra... Não fosse ela minha sogra!!

Blogdiariodeumafamilianormal.blogspot.pt

Vânia Calado disse...

É verdade, mas eu tenho um problema diferente com as cabeleireiras. Eu digo para cortar à vontade e deixam sempre mais comprido do que aquilo que eu quero. :)

umadas3irmas.blogspot.pt disse...

ahahah... tão verdade! :)

M. disse...

Ui, nunca me disseram isso, mas é bem!
A mim é mais: "podia fazer umas madeixas/nuances/luzes (?) que lhe ficava mesmo bem!"
Beijinhos

Ana Freire disse...

Já há algum tempo que corto em casa... e não é que a coisa nem me corre nada mal... e fica bem melhor, do que quando venho de qualquer cabeleireira?... Para além do dinheiro e tempo que poupo... pois na cabeleireira que frequentava, ficava sempre uma hora e tal, há espera de atendimento...
Beijinhos
Ana