.backtotop { position: fixed; bottom: 20px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ } .backtotop:hover { background-color: #333333; /* color of background on hover over */ color: #ffffff; /* color of text on hover over */ text-decoration: none; /* no underline */ bottom: 10px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ padding: 10px; /* add space around the text */ } -->

14/05/2014

| Começar o dia na rua |



No sítio onde vivo existe uma espécie de jardim interior, um espaço com plantas, duas mesas e algumas cadeiras, para utilização dos moradores.
Como me mudei para lá no inverno, e não obstante o acesso ao jardim se situe praticamente à porta do meu apartamento, não lhe dei grande importância (achei um espaço bonito e pronto). Esta indiferença manteve-se até há umas semanas, até que a primavera começou a dar um ar da sua graça e me apercebi de que o sol bate ali todo o dia. Ui, o que fui descobrir (e pelos vistos só eu é que descobri, já que não vejo vizinhos por ali)!
Aqui convém esclarecer que, embora tenha urticária solar, pelo que tenho de ter muito cuidado com o sol, encher-me de protetores fator 50 e coisa e tal (daí não perder este tom de zombie porque, apesar de tudo, prefiro o meu tom natural disfarçado com o Pernas Divinas da Caudalie do que encher-me de bronzeadores que me marcam o corpo, por muito que possam afirmar o contrário), sou absolutamente fã do nosso amigo solinho e, para mim, quanto mais quente melhor.
Na semana passada decretei a abertura oficial do ‘meu’ jardim privado, com o primeiro pequeno-almoço ao ar livre deste verão e, pelo andar da carruagem, vou passar mais tempo no jardim do que em casa.
Sabe tãããooo beemm…








P.S.: Se estão curiosos com aquela espécie de torradas estranhas que se vêem nas fotos, não se preocupem que depois explico a receita. 


15 comentários:

David Cabanas disse...

Eu sou fã de espaços exteriores...jardins, varandas, logradouros...

acomidadavizinha disse...

Torradas estranhas mas apetitosas :-)

Quero saber a receita, ai quero, quero :-)

Food and Emotions disse...

Que espaço delicioso ;) enjoy

LoveT. disse...

Delicious ,looks so good :)

kisses

Filipa disse...

Que sorte! Quem me dera ter um jardim assim perto da minha casa :D

http://free-colors.blogspot.pt/

A.João disse...

Belo espaço, e esses pastéis de nata .... ui :)

blackbunnyy disse...

Ahaha, o teu jardim secreto divino :D
Fico há espera dessa receita, tinha um aspetoooo...

xoxo,
Lovely Seventy One

I'm In The Mood For... disse...

Que fotos lindas!!

Blog | Facebook |

Design Emocionante disse...

"Abertura oficial do jardim privado", muito giro! Como é bom desfrutar dos pequenos prazeres da vida..

Uma pequena (grande) parte de mim ficou com um pouquinho de inveja ;D

Corre Piolha Corre disse...

Que inveja (da boa) que fiquei agora :D

Lili Rodrigues disse...

Hummm, que delicia. Assim vale a pena. Que torradas são essas? :/
Beijinho*
http://lilirodriguespassionfruit.blogspot.pt/

Dora disse...

Invejaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa. Que bom aspecto!

Mundo da Carolina disse...

Quem vive nas aldeias e em jardins lindos como esse está sempre feliz!! Por vezes,sabe bem estar rodeada de flores e tambem com algum silencio que não existe nas cidades. Fica com deus!! mundomusicaldacarolina.blogspot.pt

Rui - Olhar d'Ouro disse...

Muito tentador!!!

Ana Ferreira disse...

Que tortura ver estas fotos de coisinhas tão boas quando não se está em Portugal e não se pode dar um saltinho à padaria mais próxima para as comprar. ;)

Gostei do muito Blog, Parabéns

Ana Mafalda

http://aroundtheworldin80layovers.blogspot.ae